Investir na segurança do trabalho é fundamental para garantir que os trabalhadores da construção civil exerçam as suas atividades sem correr riscos e para que a construção se desenvolva sem interrupções. Assim, evitam-se acidentes na construção civil.

A redução de acidentes na construção civil também fará com que os colaboradores se sintam mais valorizados e trabalhem com mais eficiência, eliminando erros.

Quer garantir que o canteiro de obras da sua construção seja um lugar seguro e produtivo? Confira os principais acidentes e como evitá-los:

Principais acidentes na construção civil

Os responsáveis pelo canteiro de obras devem zelar pela limpeza do terreno, pela organização das máquinas e equipamentos e pela montagem do barracão. Além disso, precisam garantir que pregos, estacas e tábuas não sejam abandonados nas áreas comuns da edificação o que pode causar graves acidentes.

Confira os principais acidentes na construção civil, listados abaixo.

Alergias e complicações

Em um canteiro de obra os funcionários estão permanentemente expostos à poeira e ao cimento, material que apresenta em sua composição substâncias químicas como o Calcário, Sílica, Óxido de ferro e Alumina.

O maior risco de acidentes na construção civil relacionados ao cimento ocorre quando as partículas são inaladas ou entram em contato com a pele e com os olhos. Nesse caso, o material pode causar dermatites, conjuntivites e até lesões mais graves como a cegueira. 

Outros agentes químicos presentes no canteiro de obras que oferecem riscos aos trabalhadores são o carba-mix e o dicromato de potássio. Segundo a NR 9 — Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA) — os riscos causados por esses compostos depende do tempo de exposição, natureza, concentração e intensidade.

Como evitar acidentes na construção civil com alergias e complicações?

Para evitar exposições a esses materiais, os funcionários devem usar corretamente os EPIs, equipamentos de proteção individual, como máscara, luvas, botas, capacetes e roupas especiais. Além disso, é preciso orientar os funcionários sobre os riscos associados a manipulação desses produtos.

acidentes na construção civil; EPI

Deslocamentos

Ao se deslocarem no canteiro de obras, os colaboradores devem prestar especial atenção aos obstáculos e aos veículos que estão transportando equipamentos ou levantado cargas. Também devem estar atentos a pregos, ripas e as irregularidades do terreno.

Um exemplo muito comum de acidentes na construção civil por deslocamentos ocorre quando o colaborador se corta com um prego ou parafuso não rebatido. Esse tipo de lesão que ocorre em decorrência da atividade laboral classificada como “Acidente Típico” no artigo 19 da Lei nº 8.213/91.

Como evitar acidentes com deslocamentos?

A solução é oferecer treinamento aos funcionários e orientá-los de modo a garantir que o canteiro de obra se torne adequado e seguro para o desenvolvimento das atividades laborais. 

Choque elétrico

Ocorre, principalmente, quando os trabalhadores operam equipamentos elétricos de forma incorreta ou tentam soluções temporárias para resolver um problema.

Como evitar acidentes na construção civil de choques elétricos

Para evitar acidentes elétricos é preciso eliminar extensões muito longas para ligar equipamentos ou usar mais de uma extensão. Além disso, os trabalhadores devem usar EPIs como botas e roupas isolantes e se manter afastados da rede elétrica. 

ORT e LER

LER (Lesão por Esforço Repetitivo) e DORT (Distúrbio Osteomuscular Relacionado ao Trabalho) são acidentes que ocorrem com certa frequência em canteiros de obras onde os funcionários  repetem os mesmos movimentos repetidamente durante o dia. 

Posturas inadequadas, jornada dupla de trabalho e o estresse são outras causas  comuns de DORT.

Como evitar acidentes na construção civil relacionados a DORT e LER?

Esses problemas podem ser minimizados ao adotar programas de melhoria da qualidade de vida, que atuam na prevenção do estresse e na redução de doenças ocupacionais. 

As empresas também podem ministrar palestras e fiscalizar as operações realizadas de modo a reduzir a sobrecarga física dos trabalhadores. Além disso, o ambiente deve ser ajustado ergonomicamente as atividades que ali serão desempenhadas. 

Vale destacar que essas políticas fazem com que o colaborador se sinta mais valorizado, o que impacta positivamente no ambiente de trabalho. 

Ruídos altos e intensos

O ruído pode ser classificado em três categorias: contínuo, intermitente e de impacto. Os dois primeiros podem ser colocados no mesmo patamar, entretanto, alguns autores defendem que o ruído contínuo varie de 3dB num período de mais de 15 minutos.

Já o intermitente varia de 3 dB em períodos de 2 segundos a 15 minutos. 

Como evitar acidentes na construção civil relacionados a ruídos e sons intensos?

Para controlar os ruídos indesejáveis é preciso remover os trabalhadores do local onde as máquinas estão sendo operadas, isolar as cabines de trabalho e reduzir a reverberação dos ambientes fechados.

Além disso, é preciso promover mudanças no layout do canteiro de obras e promover cursos de conscientização dos danos causados pelos ruídos, de modo que o trabalhador conheça dos riscos associados as atividades que exerce. 

Também é preciso usar protetores auriculares ou auditivos de qualidade. Sons que ultrapassem o limite máximo de 85 decibéis podem causar perdas auditivas permanentes ou temporárias. Por fim, os espaços de trabalho devem ser isolados e o ruído excessivo deve ser removido de modo a não prejudicar os funcionários.

 

acidentes na construção civil

Como a segurança do trabalho atua na prevenção de acidentes?

Ao focar na segurança do trabalho uma empresa que atua na construção civil deve investir na saúde ocupacional dos funcionários e investir em normas e treinamentos para conscientizar os funcionários a usaram Equipamentos de Proteção Individual.

Além disso, é preciso investir em um ambiente seguro para que máquinas, equipamento e funcionários operem de forma harmônica. Também é recomendável implantar a metodologia 5S  (ordenação, arrumação, limpeza, higiene e autodisciplina) para manter o ambiente sempre limpo e organizado.

Por fim, a empresa deve atender as Normas Regulamentadoras — NR — de grande importância na prevenção de acidentes e para garantir a segurança dos trabalhadores no desempenho das atividades ligadas a construção civil. 

Curtiu este artigo sobre acidentes na construção civil? Lembrou de outros exemplos? Então deixe seu comentário abaixo  e compartilhe, com a gente e com os nossos demais leitores, a sua opinião sobre o assunto!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *