Canteiro de obras: tutorial completo para organizá-lo

You are currently viewing Canteiro de obras: tutorial completo para organizá-lo

Embora seja comum ouvir o termo canteiro de obras para se referir genericamente à construção, esse é um conceito bem mais preciso. Conhecer o que é um canteiro de obras é importante para organizar a obra de acordo com a legislação vigente.

Acompanhe o tutorial completo para organização do canteiro de obras e tire todas as suas dúvidas sobre o tema! Confira ainda como otimizar as etapas da obra a partir de um canteiro de obras bem planejado!

O que é o canteiro de obras?

Canteiro de obras é o local onde se desenvolve a obra, seja sob o ponto de vista operacional ou de apoio à construção. O canteiro de obras pode se referir a locais fixos ou temporários para execução de determinadas obras ou etapa dela.

Para otimizar a obra é necessário que o canteiro seja planejado na etapa anterior à construção. Assim, já durante o projeto é preciso que todos os detalhes estejam também planejados

Um dos maiores equívocos em relação ao canteiro de obras é não realizar planejamento adequado. Esse fator provoca desorganização e atrasa o início efetivo da obra. Com projeto adequado do canteiro, é possível otimizar a obra e ganhar produtividade logo nas primeiras etapas.

Tipos de canteiros de obras

Podemos dividir os canteiros de obras de algumas formas, a mais conhecida é a divisão em três. Dessa forma, os canteiros são chamados de restritos, amplos ou lineares.

Acompanhe cada tipo de canteiro e conheça suas especificidades!

Canteiro de obra restrito

O canteiro restrito é o mais utilizado nas cidades e centros urbanizados.

Costumamos ver bastante esse tipo de canteiro de obras, já que ele é cercado por tapumes ou por muros de placas de concreto. O canteiro restrito pode ser fechado com um portão para evitar o acesso de pessoas não autorizadas.

As obras que se utilizam de canteiros restritos costumam usar praticamente todo o espaço do terreno para a construção. Dessa forma, a logística é fundamental para que a falta de espaço não seja empecilho para o bom desenvolvimento da obra.

Quando se trata de edifícios, o canteiro pode ser modificado de acordo com a etapa da obra, especialmente para que o material fique mais acessível. Também é possível que o centro de informações se mude sempre junto com outros setores, embora isso não seja o desejável.

Canteiro de obra amplo

Esse tipo de canteiro é usado quando a obra toma apenas uma parte do terreno. Muito utilizado em construções de estacionamentos, loteamentos, indústrias e em áreas rurais.

Possui a grande vantagem de ter espaço disponível. Dessa forma, a logística se torna facilitada porque equipamentos e materiais podem ser guardados com maior facilidade.

É importante que, no canteiro de obra amplo, o layout facilite o carregamento, a distribuição e o recebimento de materiais

Em obras muito grandes, como projetos arquitetônicos de pontes, viadutos e usinas, o canteiro amplo poderá ter espaços de convivência muito bem instalados. Assim, funcionários poderão se alimentar, vestir e ter local para descanso com segurança.

canteiro de obras

Canteiro de obra linear

São canteiros implantados em obras muito específicas. É chamado linear porque costuma seguir ao formato da obra.

O canteiro de obra linear é muito comum na construção de rodovias. Mas também pode ser utilizado para ferrovias e redes de instalação em geral.

Não são canteiros com muito acesso. Dessa forma, o planejamento da distribuição do material tem que ser preciso para que a obra flua bem.

Assim como os outros canteiros, não pode ser disposto de forma a atrapalhar o fluxo de pessoas.

Como planejar o canteiro de obras

O planejamento do canteiro de obras também é chamado de layout e implica em colocar em prática a logística central de uma obra. Durante esse planejamento deverão ser definidas etapas muito importantes para a execução e apoio à obra.

canteiro de obras

Na etapa do planejamento é que devem ser pensadas questões como o tamanho do canteiro, onde os equipamentos, ferramentas e materiais serão guardados. Também é importante antecipar como serão distribuídos esses materiais.

Questões que podem parecer menos centrais fazem toda diferença no planejamento. Quais funcionários estão autorizados a entrar e como será feita a circulação e a retirada dos materiais são pontos a serem decididos no planejamento.

O objetivo do layout do canteiro de obras é estabelecer a melhor forma de realizar as tarefas. Por isso, essa etapa é considerada fundamental para a definição de toda otimização da obra em sua execução.

O melhor planejamento é aquele que consegue garantir plena execução das tarefas em menor tempo possível. Ainda é importante que o uso dos recursos humanos e materiais seja também o menor possível.

Grande parte do planejamento do canteiro de obras considera que ele é um espaço apenas para distribuição e contabilização do material. No entanto, o canteiro não deve funcionar apenas como uma espécie de almoxarifado.

Projeto do canteiro de obras

Após fazer o planejamento, ou concomitantemente, o engenheiro fará seu projeto. O projeto precisa considerar fatores de gestão da obra, como as finanças.

Além disso, um bom projeto precisa considerar ainda o cronograma da obra, as definições técnicas, tanto da obra quanto do canteiro e as restrições existentes no local e no terreno.

canteiro de obras

Quando se inicia a limpeza do terreno para a construção, o projeto já deverá ter incluído esta etapa. O canteiro precisará atender a todas as fases da obra, até sua finalização em etapas de acabamento.

Uma fase importante do canteiro é o projeto de seu layout após a construção inicial. Especialmente em canteiros restritos, é preciso projetar como seguirá a distribuição após a redução ainda maior do espaço na obra.

Assim, o engenheiro poderá se utilizar de uma parte da construção para manter o canteiro em plena função. No entanto, todos os passos dessa adaptação precisam ser calculados e estar no projeto inicial.

Funções do canteiro de obras

Entre as funções de um canteiro de obras, a principal é a logística. No entanto, isso não envolve apenas a logística de materiais e equipamentos. Toda forma de comunicação da obra deve ser pensada e otimizada através desse espaço.

A forma como as tarefas e serviços internos serão geridos na obra também faz parte do canteiro de obras. Esse é um dos pontos que faz com que seu layout deva ser muito bem definido.

Gerir os resíduos de forma a reduzir desperdícios com materiais também é uma das funções do canteiro de obras. Dessa forma, os princípios logísticos se fazem fundamentais para todo planejamento de um canteiro.

Também é importante pensar que o canteiro de obras não é universal. Cada obra exige uma dinâmica e logísticas diferenciadas. As variações se dão em razão do tipo de obra, quantidade de materiais e recursos humanos, além do formato do terreno.

Gerenciamento da cadeia de abastecimento

Podemos chamar a logística do canteiro como gerenciamento da cadeia de abastecimento. Esse é o nome oficial do planejamento otimizado, já que é do canteiro de obras que sai toda distribuição para execução da obra.

Assim como o objetivo é otimizar as etapas da obra, o gerenciamento do abastecimento visa otimizar o fluxo de distribuição e comunicação da forma mais eficiente possível.

Podemos considerar que diversas atividades estão envolvidas em um canteiro de obras. Chamamos de atividades primárias as que têm ligação direta com a obra. Entre elas podemos citar a gestão dos estoques, distribuição, transporte e pedidos.

Já as atividades secundárias são as compras, o armazenamento de materiais, embalagem de equipamentos e outras que não são execução no sentido direto.

É possível notar que a presença de um profissional especializado em logística de canteiro de obras pode agregar muito para a obra. Mais que isso, dependendo do porte da construção, é fundamental um setor para esse gerenciamento com o fim de garantir eficiência à construção.

Canteiro de obras segundo a NR18

Segundo a NR18, que é a normativa vigente que regula as obras, o canteiro de obras é uma área de trabalho fixa e temporária, onde são desenvolvidas ações de apoio e execução de uma obra.

Além de definir o que é o canteiro de obras, a normativa também define que os canteiros de obras residenciais precisam conter diversas instalações. No mínimo, precisam conter banheiros, vestiários e local para que os funcionários façam suas refeições.

Ainda é fundamental que o profissional de logística trabalhe ao lado do engenheiro. Essa parceria deverá definir as formas de comunicação e organização interna de todas as etapas da obra.

Detalhes da logística do canteiro de obras

Como já vimos, a logística do canteiro está longe de ser algo simples. Assim para contemplar tudo o que é necessário em um bom canteiro de obras, alguns detalhes são essenciais.

Confira os principais itens de um canteiro de obras e como eles deverão ser organizados.

Armazenamento de material

O armazenamento do material é ponto fundamental para qualquer obra. Além disso, o material de uma obra pode ter de ficar armazenado por longos períodos. Isso implica que, caso seja mal armazenado, o material pode ser perdido.

Entre os cuidados que se deve ter, alguns são fundamentais para conservar o material. Em primeiro lugar, o material deve ser protegido de qualquer umidade.

Ainda é muito importante observar a data de validade de alguns itens. Materiais que podem se espalhar, como areia ou pedras também precisam de cuidado especial.

A logística do armazenamento também deve considerar características específicas dos materiais. O empilhamento precisa ser feito de forma adequada e o material não pode estar exposto ao sol.

Execução do Layout do canteiro de obras

Para pensar em um bom layout é preciso considerar cada etapa da obra. A NR18 possui ainda normativas diferenciadas de acordo com o tipo de obra. É importante observar as normas em relação às condições e meios de trabalho na indústria da construção.

Existe uma diferença básica entre o canteiro de obras e outros locais de produção. Ela consiste no fato em que o canteiro é a indústria e o produto.

Esse fator implica que o canteiro não será estático. Seu layout vai se modificando de acordo com a evolução da obra. O canteiro tende a se tornar diferente e mais produtivo com o decorrer da construção.

Podemos considerar que o canteiro de obras é a central de inteligência da obra. Assim, toda movimentação e funcionamento das máquinas, equipamentos e mão de obra humana deverá ser planejada e gerida nesse local.

Como todo trabalho de logística, o layout de um canteiro de obras é algo muito detalhado. É preciso verificar todas as condições para que a obra realmente ganhe andamento. Para isso é necessário considerar instalações elétricas para funcionamento de ferramentas.

Além da energia elétrica, distribuição de água, linha ou sinal telefônico, coleta de lixo e condições para descarga de materiais são fundamentais para que a obra entre em funcionamento. Um bom layout é aquele que antecipa qualquer problema que possa ocorrer e atrasar a obra.

O que é uma boa logística de canteiro de obra?

A boa logística de canteiro é a que considera a maior quantidade de fatores possíveis em relação à obra. A distribuição e carregamento do material para a execução também deve ser prioridade no planejamento.

Em casos de obras muito grandes, o deslocamento de funcionários para levar material pode ser um complicador. Assim, pode ser necessário que o barracão seja mudado de local de acordo com a etapa da obra.

Outra possibilidade é que seja construído um segundo barracão. O fato é que, o deslocamento constante e o carregamento sem planejamento de material desperdiçam tempo e recurso humano.

A comunicação no canteiro de obras

Um elemento invisível é a comunicação no canteiro de obras. Ela implica a comunicação interna, entre equipe e gestão, mas também a comunicação externa.

Assim, toda forma de comunicação, seja pela internet, pedidos, informes sobre falta de materiais e ligações externas fazem parte da comunicação na logística do canteiro de obras.

Diferente do restante do layout, a comunicação precisa ser definida pela gestão da obra e pelo setor de recursos humanos. Quando a obra possui líderes por setores, estes também devem participar da gestão da comunicação.

Isso porque as orientações precisam ser bem definidas e universais. Desencontro de informações, orientações equivocadas e falta de diálogo interno costumeiramente acarretam erros na execução do projeto.

Segurança do canteiro de obras

Existem alguns riscos que são específicos e, infelizmente, muitos comuns em canteiros de obra, o que faz com que seja necessária ainda maior rigidez no planejamento.

A obra só será otimizada da melhor forma se os funcionários estiverem em plena segurança. Trabalhar na construção civil implica em riscos intrínsecos, mas que são potencialmente reduzidos com medidas de segurança essenciais.

Ainda que as normativas brasileiras de segurança e exigências legais para a construção civil e canteiros de obras estejam cada vez mais apertadas, os acidentes ainda são muito comuns.

Estima-se que mais de 450 trabalhadores percam suas vidas em obras todos os anos no país. Se consideramos os acidentes graves, esse número sobre potencialmente.

Por isso, garantir a maior segurança possível em relação aos trabalhadores é fundamental e algumas medidas poderão fazer toda a diferença.

Treinamento da equipe

O treinamento da equipe só terá resultados junto com ações de conscientização. É preciso falar abertamente sobre os riscos inerentes ao trabalho e as medidas necessárias e obrigatórias para evitar e reduzir esses riscos.

Treinar a equipe para que compreenda quais ações são necessárias para evitar acidentes é a principal medida efetiva. Através do treinamento, a obra poderá fluir em menor tempo e com muito mais eficiência.

Uma equipe bem treinada passa a não mais tolerar comportamentos de risco, em si e nos outros. Dessa forma, todos passam a cuidar da segurança de todos, reduzindo os riscos drasticamente.

Uso de equipamentos

Equipamentos de uso obrigatório não podem ser opcionais por parte dos funcionários. Após a conscientização, é preciso deixar claro que o não uso de equipamentos não será tolerado na obra.

Prática comum, especialmente em obras menores, não usar EPI’s poderá implicar em riscos de vida e de acidentes. Todas as pessoas, inclusive quem visita a obra, deverão estar protegidos pelos equipamentos de uso obrigatório.

É importante também que o custo desses equipamentos esteja previsto no projeto, inclusive a previsão de substituição.

Normas de segurança

As normas de segurança para canteiro de obras foram criadas após muito estudo. Dessa forma, sabe-se que possuem resultados reais em termos de prevenção de acidentes.

As obras precisam atender às normativas da NR18, que trata do trabalho na construção civil. Na maioria dos casos é necessário observar ainda a NR 35, que é específica para o trabalho em locais com risco pela altura.

Todos os funcionários deverão conhecer ao menos o básico dessas normativas. Ainda que não ao pé da letra, é importante que os líderes de equipe deixem todos cientes do que é necessário para estar adequado a estas normativas.

Política de segurança

A construção civil é um dos setores da economia que mais crescem e que movimentam o Brasil. Para se ter ideia, foi um dos poucos que conseguiu crescer mesmo durante a pandemia, embora menos do que o esperado.

Por isso, muitas empresas da construção civil têm elaborados suas políticas de segurança. Essa prática, além de minimizar os riscos no canteiro de obras, ainda promove a empresa para um patamar de eficiência e seriedade em relação a seus funcionários.

Criar uma política de segurança é uma ótima forma de conscientização. A equipe gestora poderá definir as normativas internas, períodos de treinamento e outras ações necessárias para evitar acidentes de qualquer porte.

Principais problemas encontrados em canteiros de obra

Como já foi dito diversas vezes ao longo do texto, o planejamento é a chave para um bom canteiro de obras. Um canteiro mal projetado poderá acarretar sérios problemas para a obra e seu andamento.

Entre os problemas mais comuns que possuem ligação com layout mal feito, podemos citar os seguintes:

  • Bloqueio de mercadorias
  • Interrupção desnecessária em etapas da obra ou lentidão
  • Distância desnecessária para deslocamento
  • Equipamentos de apoio paralisados
  • Perda de materiais por mau armazenamento
  • Acidentes de trabalho

Canteiro de obras sustentável

A construção civil é uma das grandes áreas em que se necessita de ações para preservação do meio ambiente. Sem contar a ocupação desordenada, que pode acarretar imensos danos ambientais e urbanos para as cidades, ainda temos impactos ambientes mais diretos.

canteiro de obras

O material desperdiçado, os resíduos, uso excessivo de água e fonte de energia são alguns pontos que já passaram a ser revistos por construções sustentáveis.

Em diversos países já se tornou usual o conceito de construção verde para designar iniciativas do setor da construção civil que investem em formas de construir sem gerar tanto impacto ambiental.

Quanto ao canteiro, o planejamento adequado é ideal para redução do desperdício de forma preponderante. Além das reduções de custos, a organização e limpeza da obra, além da eficiência se tornam fatores muito positivos.

Outras medidas que podem ser planejadas e implementadas dizem respeito ao abastecimento do canteiro de obras. Realizar instalações para o reaproveitamento da água utilizada no canteiro é uma das medidas que fazem toda a diferença para o ambiente e para o bolso do construtor.

O canteiro de obras também poderá ter placas de energia solar com o objetivo de reduzir o consumo de energia elétrica da rede. Essa é uma ação que reduz potencialmente os custos de uma obra.

Ainda que as placas consigam fornecer energia elétrica apenas para o canteiro ou para parte da obra, a redução de custos é muito grande.

Como você acompanhou, o planejamento do canteiro de obras é fundamental para bons resultados na construção civil. Sua otimização produzi impactos importantes para todas as etapas da obra e reduz potencialmente os riscos de acidentes de trabalho.

Ações sustentáveis e conscientes para os canteiros de obra estão ainda cada vez mais presentes no setor da construção civil, reduzindo custos e tornando o setor menos impactante do ponto de vista ambiental.

Se você deseja acompanhar mais conteúdos como este, não deixe de se inscrever em nossa newsletter!

Deixe um comentário