Ilhas de calor: entenda esse fenômeno que impacta a vida de todos

You are currently viewing Ilhas de calor: entenda esse fenômeno que impacta a vida de todos

Estruturas como edifícios, estradas e outras infraestruturas absorvem e reemitem o calor do sol mais do que as florestas. As áreas urbanas, onde essas estruturas são altamente concentradas e a vegetação é limitada, tornam-se ilhas de calor com temperaturas mais elevadas em relação às áreas periféricas.

ilhas de calor
Foto: Reprodução adsttc

Uma revisão de estudos e dados de pesquisa da UEG, descobriu que, no Brasil, o efeito da ilha de calor resulta em temperaturas diurnas em áreas urbanas cerca de 1 a 4 graus mais altas do que as temperaturas em áreas periféricas. Além disso, regiões mais úmidas (principalmente no Sul e Norte do país) e cidades com populações maiores e mais densas experimentam as maiores diferenças de temperatura.

>>>Leia também: Entenda a crise energética no Brasil.

Mas, o que são ilhas de calor? Descubra em nosso post!

O que são ilhas de calor?

São bolsões de calor dentro de uma área geralmente urbana.

As ilhas de calor podem se formar sob uma variedade de condições, inclusive durante o dia ou a noite, em cidades pequenas ou grandes, em áreas suburbanas, em climas do norte ou do sul e em qualquer estação do ano.

>>> Como amenizar o calor: um guia para sobrevivência moderna!

Causas das ilhas de calor

As ilhas de calor se formam como resultado de vários fatores. Confira!

Paisagens Naturais Reduzidas em Áreas Urbanas

Árvores e vegetação tendem a resfriar o ar fornecendo sombra, transpirando água das folhas das plantas e evaporando a água da superfície, respectivamente.

Superfícies duras e secas em áreas urbanas

Ilhas de calor
Foto: Reprodução climatekids

Como telhados, calçadas, estradas, prédios e estacionamentos – proporcionam menos sombra e umidade do que as paisagens naturais e, portanto, contribuem para temperaturas mais altas.

Propriedades dos Materiais Urbanos

Materiais convencionais feitos pelo homem usados ​​em ambientes urbanos, como pavimentos ou telhados, tendem a refletir menos energia solar e por isso absorvem mais calor do sol em comparação com árvores, vegetação e outras superfícies naturais.

Muitas vezes, as ilhas de calor se acumulam ao longo do dia e se tornam mais pronunciadas após o pôr do sol devido à liberação lenta de calor dos materiais urbanos.

Geometria Urbana

As dimensões e o espaçamento dos edifícios dentro de uma cidade influenciam o fluxo de vento e a capacidade dos materiais urbanos de absorver e liberar energia solar. Em áreas altamente desenvolvidas, superfícies e estruturas obstruídas por edifícios vizinhos tornam-se grandes massas térmicas que não podem liberar seu calor prontamente.

Cidades com muitas ruas estreitas e prédios altos tornam-se cânions urbanos, que podem bloquear o fluxo natural do vento que traria efeitos de resfriamento.

Calor gerado a partir de atividades humanas

Veículos, unidades de ar condicionado, edifícios e instalações industriais emitem calor para o ambiente urbano. Essas fontes de calor gerado pelo ser humano podem contribuir para os efeitos da ilha de calor.

Tempo e Geografia

Condições climáticas calmas e claras resultam em ilhas de calor mais severas, maximizando a quantidade de energia solar que atinge as superfícies urbanas e minimizando a quantidade de calor que pode ser levada.

Por outro lado, ventos fortes e cobertura de nuvens suprimem a formação de ilhas de calor.

ilhas de calor
Foto: Reprodução assets

As características geográficas também podem afetar o efeito da ilha de calor. Por exemplo, montanhas próximas podem impedir que o vento chegue a uma cidade ou criar padrões de vento que passam por uma cidade.

Características das ilhas de calor

As ilhas de calor são geralmente medidas pela diferença de temperatura entre as cidades em relação às áreas circundantes.

A temperatura também pode variar dentro de uma cidade. Algumas áreas são mais quentes do que outras devido à distribuição desigual de edifícios e pavimentos que absorvem calor, enquanto outros espaços permanecem mais frios como resultado de árvores e vegetação.

Estas diferenças de temperatura constituem ilhas de calor intraurbanas.

Assim, as temperaturas da superfície variam mais do que as temperaturas do ar atmosférico durante o dia, mas geralmente são semelhantes à noite. Parques e terrenos abertos.

Em geral, as temperaturas são diferentes na superfície da terra e no ar atmosférico, mais acima da cidade.

Ilhas de calor de superfície

Essas ilhas de calor se formam porque as superfícies urbanas, como estradas e telhados, absorvem e emitem calor em maior extensão do que a maioria das superfícies naturais. Em um dia quente com uma temperatura de 30°C, os materiais de cobertura convencionais podem atingir até 20° mais quentes do que as temperaturas do ar.

Ilhas de calor atmosférico

Essas ilhas de calor se formam como resultado do ar mais quente nas áreas urbanas em comparação com o ar mais frio nas áreas periféricas. As ilhas de calor atmosféricas variam muito menos em intensidade do que as ilhas de calor de superfície.

Impactos da ilha de calor

As ilhas de calor podem contribuir para uma série de impactos ambientais, energéticos, econômicos e de saúde humana.

ilhas de calor
Foto: Reprodução dailycal

Reduzindo Ilhas de Calor

Existem inúmeras estratégias para reduzir a gravidade do efeito ilha de calor.

Vejamos as estratégias de resfriamento da ilha de calor.

Muitas comunidades estão tomando medidas para reduzir as ilhas de calor urbanas usando cinco estratégias principais:

1) aumentar a cobertura vegetal e arbórea;

2) instalar telhados verdes;

3) instalar telhados frios, principalmente refletivos e com uso de mantas térmicas;

4) usar pavimentos frios (refletivos ou permeáveis);

5) utilizando práticas de crescimento urbano inteligentes.

>>> Manta térmica para telhado: guia completo para escolher a melhor.

Estratégias e tecnologias

A instalação de tetos térmicos, por exemplo, reduz as temperaturas do ambiente, aumentando o conforto dos ocupantes e reduz a demanda de energia.

As práticas modernas abrangem uma série de estratégias de desenvolvimento e conservação que ajudam a proteger o ambiente natural e, ao mesmo tempo, tornam nossas comunidades mais atraentes, economicamente mais fortes e mais habitáveis.

Impactos da ilha de calor

As temperaturas elevadas das ilhas de calor podem afetar o ambiente e a qualidade de vida de uma comunidade de várias maneiras.

  • Aumento do consumo de energia
  • Emissões elevadas de poluentes do ar e gases de efeito estufa
  • Saúde e conforto humano comprometidos
  • Qualidade da água prejudicada

Além de seu impacto nas emissões relacionadas à energia, as temperaturas elevadas podem aumentar diretamente a taxa de formação de ozônio ao nível do solo. As ilhas de calor contribuem para temperaturas diurnas mais altas, resfriamento noturno reduzido e níveis mais altos de poluição do ar. Estes, por sua vez, contribuem para mortes relacionadas ao calor e doenças relacionadas ao calor, como desconforto geral, dificuldades respiratórias, cãibras pelo calor, exaustão pelo calor e insolação não fatal.

A infraestrutura de isolamento térmico e verde é uma opção para resfriar o ambiente e melhorar a qualidade de vida.

E então? Quer seguir a gente nas nossas redes sociais? Você tem estas e outras dicas para melhoria da sua infraestrutura. Confere lá!

3TC Isolamento

Perfil corporativo da 3TC Isolamento

Deixe um comentário