Steel frame: preço, características e sua diferenciação da alvenaria

Steel frame: preço, características e sua diferenciação da alvenaria

A área de construção civil é composta de vários tipos de formatos construtivos. Essa variedade é o resultado do desenvolvimento de técnicas, conceitos inovadores e sustentáveis. Um modelo que foi criador e tem sido muito utilizado ao redor do mundo é o Steel Frame (termo em inglês que significa “moldura de aço”). Entre as principais dúvidas sobre esse estilo de construção, está: Steel Frame: preço.

Já se fez esse questionamento? Gostaria de saber também sobre o que é, componentes, aplicação, vantagens e desvantagens? Então, este artigo foi escrito para você. Nos próximos tópicos, abordaremos esses e outros detalhes a respeito do Steel Frame. Acompanhe!

O que é Steel Frame

No setor de construção civil, o Steel Frame é também conhecido como “construção a seco”. Isso porque, durante a edificação, não se utiliza os chamados “materiais molhados” (areia, cimento, água etc.). Tampouco se usa tijolos e ferramentas típicas de obras, como: pá, enxada e carrinho de mão.

Só de dispensar todo esse conjunto de elementos tão comum nas construções tradicionais, já se percebe que é um formato construtivo prático, otimizado e limpo. Na prática, o Steel Frame utiliza estruturas de perfis de aço galvanizado. Sendo assim, essas estruturas substituem o concreto armado.

Além disso, os tijolos são substituídos pelas placas cimentícias e pelo gesso acartonado (ou chapas de drywall). Devido a essa forte estrutura, o Steel Frame é aplicado em todas as áreas de uma construção: desde a fundação até o telhado.

Steel frame: preço

O custo de um projeto Steel Frame varia conforme o tipo de revestimentos e materiais utilizados. Sendo assim, não é possível definir um preço fixo. Outro fator que direciona o valor é a composição dos sistemas (telhado, teto, parede etc.) da construção.

Em vista dessa variabilidade, o indicado é que, antes de iniciar o projeto, seja realizada uma pesquisa comparativa entre vários fornecedores, construtoras ou profissionais especializados. Para termos uma ideia dos valores praticados no mercado, usaremos como referência os dados do site Habitíssimo.

ProjetoValor
Casa de 75 metros quadrados – com acabamentosR$ 155.500
Casa de 75 metros quadrados – sem acabamentosR$ 68.500
Casa de 170 metros quadradosR$ 238.000
Sobrado de 120 metros quadradosR$ 174.000

Quanto ao preço médio cobrado pela elaboração de um projeto para uma casa em Steel Frame de, por exemplo, 100 metros quadrados, fica em R$ 7.600. Alguns questionam se o custo final do Steel Frame é menor do que o de uma construção tradicional em alvenaria. A resposta é que os dois modelos construtivos têm valores similares.

Enquanto o metro quadrado finalizado do Steel Frame gira em torno de R$ 1.900, o de uma construção em alvenaria se posiciona entre R$ 1.800 e R$ 2.000. No entanto, vale a pena ressaltar que o Steel Frame supera a alvenaria em rapidez, bem como reduz custos com materiais de construção.

Quais os componentes do Steel Frame

Ao analisarmos a composição do Steel Frame, encontraremos diferentes elementos estruturais. Vejamos quais são esses componentes:

  • Estrutura de painéis de aço galvanizado – peças que são unidas para configurar o modelo estrutural da edificação;
  • OSB (Oriented Strand Board) – painel de tiras de madeira prensadas que geram alta resistência; 
  • Membrana que impede a entrada da umidade – esse componente evita o aparecimento de infiltrações e mofo. Por outro lado, permite que a edificação tenha uma adequada circulação de ar;
  • Placa cimentícia de massa de cimento reforçada com fibra de vidro – evita deformações vindas da variação de temperatura, do processo natural de dilatação e contração. Isso gera planicidade para a construção;
  • Base Coat (revestimento da placa cimentícia) – elemento responsável pela impermeabilização da estrutura. Além disso, une e oculta as juntas da placa cimentícia;
  • Acabamento, como pintura, textura, porcelanato, pedras etc. – o Steel Frame permite qualquer tipo de acabamento disponível no mercado;
  • Isolamento Termoacústico (pode ser feito com diferentes materiais, como o 3TC) – material que bloqueia o impacto do calor externo, preserva a temperatura interna, gera o equilíbrio térmico e reduz os ruídos externos.

Como aplicar o Steel Frame?

Durante a construção, o projeto Steel Frame segue as etapas:

  1. A aplicação do Steel Frame começa com a fundação, que deve ser projetada especificamente para a estrutura que será ali colocada;
  2. Depois, é feita a armação em aço, chamada perfil, é colocada da forma que se deseja que a construção apresente. Uma vez que a estrutura esteja projetada para esse tipo de obra, sua execução é mais rápida e simples;
  3. Colocação das placas (ou painéis) para fechar todas as laterais da construção;
  4. Fase de criação da estrutura do telhado, que pode receber qualquer tipo de telha.

Está na dúvida sobre o tipo de telhado ideal para a sua casa? Preparamos um artigo que vai ajudar nessa decisão! Leia: Modelos de telhados: escolha o melhor para sua obra!

Quais as características do Steel frame?

Todas as características do Steel Frame reforçam a praticidade e eficiência desse método construtivo. A seguir, apontamos as principais características.

Pode ser aplicado em qualquer tipo de terreno

De modo geral, o tipo de embasamento mais utilizado em construções Steel Frame é o radier – fundação superficial que fica em contato direto com o terreno. Esse modelo de embasamento é bem flexível e versátil. Sendo assim, se adequa a qualquer tipo de solo.

Além disso, uma edificação Steel Frame tem peso médio de 250 quilos por metro quadrado – de quatro a cinco vezes mais leve do que as construções em alvenaria. Essa leveza também contribui para a fácil integração entre a obra e o solo.

Economia de materiais durante a obra

Uma vez que as estruturas de aço são fabricadas conforme as necessidades e especificações do projeto, o Steel Frame reduz o desperdício de materiais. Outro aspecto que gera economia é a não necessidade de utilização de vários materiais comuns nas obras de alvenaria – como citado, por exemplo: cimento, areia, areola e tijolos.

Sustentabilidade

Os materiais utilizados no Steel Frame (aço galvanizado, placas OSB, gesso e alumínio) são recicláveis e reutilizáveis. Em virtude de ser uma construção a seco, o consumo de água é reduzido drasticamente.

Além disso, esse método potencializa a economia de energia. Afinal, a construção absorve menos calor externo. O resultado é uma construção sustentável e com baixos impactos ao meio ambiente.

Bom para finalização de projeto

A fase de acabamento do projeto fica mais rápida e fácil de finalizar. Uma das razões é que as placas fixadas sobre a estrutura de aço, são fabricadas para receberem a pintura. Isso é possível, pois são lisas e dispensam reboco, necessidade de lixar ou alisar. No final da obra, as paredes ficam impecáveis.

Tamanho padronizado

As peças e placas do Steel Frame são feitas com base em medidas padronizadas. Desse modo, não é necessária a realização de cálculos complexos, recortes, ajustes ou outros imprevistos vindos com as metragens. Outra vantagem é que o método gera um ganho de área entre 4 a 5% em relação a uma obra de alvenaria.

Leveza dos materiais

Uma característica marcante do Steel Frame é a leveza dos materiais utilizados. Isso porque, além de reduzir o peso da construção, ajuda também no manuseio durante a obra e na redução dos custos com o transporte.

Durabilidade

A vida útil das construções em Steel Frame é muito longa. Isso não é de surpreender. Visto que o material utilizado é o aço galvanizado – uma das matérias-primas mais resistentes encontradas na natureza e no mercado. Como exemplo de durabilidade, podemos citar casas americanas feitas em Steel Frame que estão de pé desde a década de 30 do século XX.

Quer saber mais sobre como funciona o sistema construtivo em Steel Frame e se é o indicado para o seu projeto? Então, confira o artigo “Steel Frame: saiba se a melhor opção para a sua obra”.

Vantagens x Desvantagens do Steel Frame

Para entender melhor quais são os prós e os contras do Steel Frame, a seguir, mostramos uma tabela comparativa.

VantagensDesvantagens
Menos peso na estruturaLimitação no número de pavimentos e de altura (recomendado que tenha, no máximo, 5 andares)
Agilidade na entrega da edificaçãoMão de obra especializada (dificuldade em encontrar profissionais ou empresas qualificadas – em especial nos interiores)
SustentabilidadePagamento antecipado
Diminuição do custo financeiro com materiaisBarreira cultural / pouco conhecimento sobre no mercado (costume de construir apenas no estilo de alvenaria)
Aumento das opções de acabamento

Steel Frame e Alvenaria: quais as diferenças?

Muitas pessoas têm dúvidas em relação às diferenças entre o Steel Frame e a construção em alvenaria. Esse conhecimento é importante, pois ajuda na escolha do melhor método para o projeto. Para esclarecer, vejamos as principais diferenças entre esses sistemas construtivos.

AlvenariaSteel Frame
Estruturas de viga e pilares de concretosEstruturas de aço galvanizado
A vedação das paredes é feita com tijolos ou blocos de concreto, assentados com argamassaA vedação é feita com placas de gesso e OSB
O processo construtivo é lento e com necessidade de uma grande qualidade de mão-de-obraO processo construtivo é rápido e não exige muitos trabalhadores
Se houver imperfeições ou desníveis, a qualidade da obra é afetadaAs estruturas são fabricadas sob medida para o projeto. Isso evita erros e imperfeições na obra
A obra pode apresentar fissuras que geram infiltraçõesAs placas não geram fissuras, pois são lisas e contínuas

A grande verdade é que, se “colocarmos na ponta do lápis”, o custo-benefício do Steel Frame supera o de uma obra de alvenaria. Além disso, os retornos positivos são vistos em curto, médio e longo prazo.

Projetos Comerciais e Empresariais com Steel Frame

Como dito, o Steel Frame é um método construtivo bem versátil, ou seja, se adapta bem a diferentes projetos residenciais, comerciais e empresariais. Uma área em que é comum a utilização desse método é na indústria. Muitos galpões são construídos com Steel Frame.

Dessa forma, essas estruturas ganham leveza, praticidade e redução dos níveis de calor. Para termos uma noção das aplicabilidades e possibilidades do Steel Frame, elencamos alguns tipos de projeto:

  • Casa integrada – ambientes internos abertos e conectados;
  • Pé direito alto – cômodos elegantes, leves e com boa amplitude;
  • Casa em meio a natureza – paredes de vidros que permitem a visualização de florestas ou belas paisagens;
  • Residência com fachadas de vidro -integração da casa com o entorno;
  • Moradia na praia – estrutura resistente aos impactos da maresia;
  • Casa de campo – mistura de uma estrutura de vidro e madeira;
  • Chalé – combina com um estilo rústico tão comum nos chalés;
  • Trailer – os veículos que acoplam uma residência (como trailers e motorhomes) podem utilizar o Steel Frame para dar mais leveza a estrutura;
  • Varandas – espaços que se abrem ou fecham (sem perder a visão externa) conforme a necessidade;
  • Escritórios modernos e com vista panorâmica – ideal para a otimização da luminosidade nesses ambientes.

Leia mais conteúdos sobre construção civil no blog da 3TC!

Sem dúvidas, o Steel Frame foi, e ainda é, um divisor de águas nos projetos de construção. Por isso, a tendência é que seja cada vez mais utilizado. Seguindo as dicas dadas neste artigo, temos certeza de que terá sucesso na implantação do Steel Frame na sua residência, escritório, galpão industrial ou estabelecimento comercial.

O que achou do nosso artigo? Respondemos a pergunta: Steel Frame, preço? Gostou de saber também sobre outras particularidades desse método construtivo? Então, aproveite para aumentar os seus conhecimentos sobre a área de construção civil. Acesse agora mesmo o blog da 3TC!

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *